Tanta coisa para ler e escrever! da RedHat no desktop às TomTices da microsofre

Uma semana sem tocar num computador e sem aceder à rede das redes e ficamos com milhentos posts e notícias para ler e mail para responder.

O mail já está tratado, muito dele é para o lixo, aquelas coisas em formatos de apresentações são os primeiros candidatos.

Passados cerca de dois meses recebo também um mail do Grupo Parlamentar do PCP sobre os OGM/GMO do quais havia falado aqui.

Fazendo um apanhado rápido de algumas notícias interessantes que me foram parar à caixa de mail, sim porque os blogs do Google Reader vão levar muito mais tempo a ler, deixo aqui os links de algumas que mais me interessaram.

Começo pela informação de que a RedHat parece novamente apostada no Desktop, já vai sendo tempo, até porque quem está a usar a cabecinha para levar os seus intentos a bom porto é o senhor da Canonical, a criadora do Ubuntu que ao apostar no Desktop e na sua facilidade de uso leva depois os seus utilizadores mais experientes a preferirem-na também a nível empresarial/servidor, técnica á lá microsoft.
Não percebo é porque raio demoraram tanto tempo ainda para mais com a qualidade que têm quer a RHE quer a Fedora.

Também gostei de saber que a RH está a mudar-se de armas e bagagem para o KVM e a colocar o Xen de parte, colocando o ms-novell-mono de parte também é boa política.

Ainda a propósito da RH e da Fedora, parece que a sua versão 11 irá trazer como padrão a driver livre para placas da Nvidia, a Nouveau.

Em relação à minha favorita, a FABULOSA DISTRO Debian, também me detive em algumas notícias, uma análise da nova versão, a Debian GNU/Linux 5.0 ‘Lenny’ na revista Linux Magazine, bem como dar nova vida a hardware velho usando o poder da Debian 5.0.

Eu também escrevi uma entrada que ainda não coloquei online sobre a instalação da Debian 5.0, a ver se amanhã coloco, faltam os últimos retoques.

Em relação a uma das filhas da Debian, a Ubuntu, parece que já existem novidades para a versão 9.10 ‘Karmic Koala’, parece que os maiores desenvolvimentos se irão prender mesmo com a versão de servidor que irá até às nuvens ;)

Parece que todos os governos por essa Europa e mundo fora começam a ganhar juízo e a apostar em Software Livre, desta vez é o Inglês, noticia a BBC, infelizmente por cá é o que se vê, ou melhor, o que não se vê, negociatas por baixo da mesa e memorandos monopolistas.

Indo agora aos pequenos portáteis, parece que a OLPC está apostada em mudar a sua sorte e vai apostar fortemente em grandes implantações do seu novo XO, só falta mesmo arranjarem um primeiro-ministro para servir de vendedor, ainda para mais quando o XO-2 é bem melhor e mais bonito que o classmate da intel!

Da Dell chega a notícia que cerca de 1/3 dos seu Mini, o netbook desta marca, é vendido com GNU/Linux e que a taxa de devolução é igual à do outro sistema operativo.

Ainda sobre este tema parece que está aí o mini-servidor por apenas 100 dólares.

Um apanhado de notícias sobre netbooks pode ser lido aqui

Agora sobre software e ambientes gráficos, o XFCE está aí e muito interessante na sua mais recente versão, a 4.6.0.

O GIMP, o software de processamento de imagem por excelência em NIX’s e outros que gostem de Software Livre, tem um novo livro, infelizmente para nós em castalhano, mas deve dar para tirar uma dúvidas e aprender umas coisas.

Ainda a nível de software, parece que a universidadde de Washington tem um projecto de privacidade usando P2P, nomeadamente bittorrent, chama-se OneSwarm.

Em relação ao motor do nosso GNU, ou pelo menos um deles, o HURD também merece menção e a Debian dispõe ainda dos kernel FreeBSD e creio que NetBSD, parece que está a ser desenvolvido um projecto para compilar o Kernel Linux com o compilador da Intel, chama-se LinuxDNA.

Deixei para o fim as notícias mais picantes, lollllll, claro está que têm a ver com a Novell e sua grande amiga a microsoft.

Parece que nem com as massivas injecções de capital da sua grande amiga microsoft a novell consegue se manter à tona, e vai dái e despede mais uns quantos da OpenSuSe, ou será que foi a pedido da sua grande amiga, essas coisas de open e livres não é coisa que se possa ter no mundo dessas duas empresas.
E claro nada como ter um apaniguado da microsoft nos seus quadros a dirigir a orquestra.

Mas em termos de asneiras a sua dona e senhora, a empresa condenada microsoft, resolveu aparvalhar e processou a TomTom por esta usar Linux nos seus dispositivos GPS, parece que em virtude do Kernel Linux suportar o filesystem FAT da microsoft.
Eu diria que há males que vêm por bem, pode ser que assim estas empresas abram a pestana e comecem a usar desde formatos a protocolos e file systems abertos, em vez de FAT usem e dissiminem o EXT2, usem o ODF, usem protocolos e codecs abertso, Ogg Vorbis, Theora etc etc.

Sinceramente não me parece que a microsoft venha a ganhar o processo e muito menos a sair beneficiada dele, ainda para mais quando só agora se lembrou de exercer tal poder.
São as TomTices habituais dos lados de Redmond.

Mais info sobre estas trapalhadas no site essencila nestes casos, o Groklaw, dêem olhada ao artigo do Bruce Perens.

Para terminar, parece que a nossa querida inimiga de estimação, pois claro a empresa condenada, resolveu numa recente apresentação do macaco de Redmond, o gajo que lança cadeiras a ex-empregados que desertam para o Google, afirmar alto e bom som, que o principal concorrente da microsoft é o GNU/Linux e não a Apple.
Pois é …. Pois é… quem diria!

[update: descobri mais duas notícias interessantes, a 1ª é um apanhado engraçado da "qualidade" ou da ausência dela do ms-windows, com o chamativo nome de 'I Give Up. Windows Is Proof That People Are Too Stupid To Use Computers.' a 2ª é sobre a história engraçada que se passou com o Professor e Investigador Roger Wallis no julgamento do Pirate Bay, o qual ao ser questionado pelo tribunal se queria ser ressercido pela sua presença, respondeu que umas flores para a sua mulher seriam o suficiente, claro está que a malta apoainte do Pirate Bay lhe encheu a casa de flores, não tivesse ele afirmado que "Wallis told the court that his research has shown that there is no relation between the two.", não existe nenhuma relação entre o declinio das vendas e o aumento do P2P]

Powered by ScribeFire.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 67 outros seguidores