Notícias:US$ 2 Milhões para fomentar o medo dos cidadãos e os tornar em delatores

Os EUA gastaram US$2 Milhões de dólares a instalarem um sistema de vigilância na fronteira entre o Texas e o México.

Após 6 semanas de utilização o que este sistema de vigilância conseguiu, foi unicamente detectar um crime, repito, 1 crime.

O sistema usa 13 câmaras de circuito fechado muito caras que enviam as suas imagens para a rede internet no site blueservo, tornando assim todos os cidadãos em espiões e vigilantes, os delatores e bufos da Nova (Des)Ordem Mundial.

É impressionante como estes senhores manipuladores usam o que de pior há em todos nós para nos virar uns contra os outros, a cobardia, o voyeaurismo.

Mais de 21000 delatores inscreveram-se neste programa, segundo o site estes bufos que se intitulam de ‘adjuntos virtuais’, poderão também ligar as câmaras que possuem para criar um bairro virtual de ‘segurança’, eu chamar-lhe-ia antes um bairro de pessoas doentes e maníacas que perderam o senso se alguma vez o tiveram.

É impressionante como as pessoas abandonam tão facilmente os seus direitos à privacidade e liberdade.

https://i1.wp.com/patdollard.com/wp-content/uploads/fraud-721827.jpg

Ainda nos EUA, a nova mentira travestida de administração da ‘mudança’ e do ‘sonho’, prepara-se para enviar entre 20mil a 30mil soldados adicionais para o Afeganistão até ao verão de 2009, os EUA ficarão assim com uma presença de quase 50mil soldados nessa país.

Segundo o jornal Russia Today, os EUA preparam-se para construir bases militares na Ásia Central, no Kazakistão e no Uzbekistão, tendo já em estado de prontidão forças na Bulgária e na Roménia.

Só quem é cego e se recusa a ler o que os senhores da Nova (Des)Ordem Mundial escreveram é que achará tudo isto estranho.

Todas estas movimentações há muito que estavam decididas e escritas pela mão do senhor que apoiou e controla tudo o que Obama fez e fará, o senhor Zbigniew Brzezinski, que no seu livro ‘The Grand Chessboard’ as detalha.

Esta é e será a política e a agenda de Obama, acreditar em tudo o resto é para além de ingénuidade, uma profunda ESTUPIDEZ.

A War In The Planning for Four Years – How Stupid Do They Think We Are?

“THE GRAND CHESSBOARD – American Primacy And It’s Geostrategic Imperatives,” Zbigniew Brzezinski, Basic Books, 1997.

These are the very first words in the book: “Ever since the continents started interacting politically, some five hundred years ago, Eurasia has been the center of world power.”– p. xiii. Eurasia is all of the territory east of Germany and Poland, stretching all the way through Russia and China to the Pacific Ocean. It includes the Middle East and most of the Indian subcontinent. The key to controlling Eurasia, says Brzezinski, is controlling the Central Asian Republics. And the key to controlling the Central Asian republics is Uzbekistan. Thus, it comes as no surprise that Uzbekistan was forcefully mentioned by President George W. Bush in his address to a joint session of Congress, just days after the attacks of September 11, as the very first place that the U.S. military would be deployed.

Powered by ScribeFire.

5 Respostas

  1. Demonstra o poder das câmeras. Instalam-se câmaras e o crime logo diminui.
    1 crime em 6 semanas, o resultado é muito bom.

  2. Os criminosos sáo mais inteligentes do que tu o que é normal, não querem ser apanhados.. Em todos locais onde colocaram câmeras o crime diminuiu e permitiu prender criminosos mais rápidamente. Cidades, bancos, hipermercados, etc, será que todos eles estão enganados e tu é que estás certo? Não me parece.
    Se me permites a sugestão, porque é que não fazes um curso para deixares de ser parvo? As tuas ideias são tão absurdas que ninguém suporta tanta parvoice num único local… Bom ano de 2009 e bom curso.

    • a tua táctica de resposta é sempre a mesma, uma espécie de toca e foge, e ainda a mistura de tudo para confundir o que realmente interessa.

      vens falar em câmaras em bancos e outros locais fechados e interiores, eu não vejo grande problemas nesses casos, é que posso sempre decidir se lá quero ir ou não, o mesmo já não é verdade para câmaras em locais públicos como ruas, estradas, cidades e bairros.

      mesmo considerando que eventualmente posso ser parvo, parece-me que consegues bater-me, é que se escrevo coisas tão parvas e sem nexo, não percebo porque te dás ao trabalho de as ler e comentar.

  3. É engraçado comentarmos coisas parvas, e chegamos à conclusão que a parvoice não tem limites.

    É eficaz colocar câmeras, em locais interiores ou exteriores. É falso dizermos “posso sempre decidir se lá quero ir ou não”. Quando vais para os Açores vais ao aeroporto (está cheio de câmeras), ou será que alugas um barco a remos? Quando quiseres argumentar tenta pensar primeiro e escrever depois.
    Reumindo, é mentira alguém poder dizer que pode decidir o quer que seja em relação às câmeras, a não ser que viva na selva, não deve ser o teu caso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: