Parou o cérebro ao sr Ubuntu?

Mark Shuttleworth, o Sul Africano que criou a Canonical que desenvolve o Ubuntu, deu uma pequena entrevista ao site The Register, sobre o ms-windows 7 no qual indica que esteve a brincar com ele e que lhe parece um bom produto.

Até aqui nada de especial, o que me fez espécie foi a sua opinião de que um bom ms-windows7 seria bom para o mercado de Netbooks, nomeadamente o GNU/Linux seria beneficiado porque isso obrigaria a que a microsoft colocasse de lado o ms-xp nesse mercado e tivesse de vender licenças do seu novo produto fazendo com que o preço de um Netbook com ms-windows7 subisse e como tal o GNU/Linux beneficiaria uma vez que é gratuito.

Ou o sr Mark andou a beber, ou acaba de meter os pés pelas mãos, desde há tempos que se quer passar a toda a gente, especialmente os decisores engravatados que as vantagens do Software Livre são ao nível técnico, de segurança, desenvolvimento, ensino, de utilização de padrões e formatos abertos, respeito por todos, e claro que após estas vantagens ainda temos a cereja no cimo do bolo, é gratuito ou tendencialmente mais baixo o seu custo.

Ora o que o sr Mark acaba de fazer é dizer que a principal vantagem do GNU/Linux é ser gratuito.

Parece-me sinceramente que mais valia ter estado CALADO!

https://i0.wp.com/img.photobucket.com/albums/v304/xxhiroshi21xx/ubuntuwall.jpg

Ubuntu’s Shuttleworth praises Windows 7, welcomes fight • The Register

“We are in an awkward situation now because they are giving away XP in the netbook market – they are literally giving it way to OEMs,” he claimed.

“You can make the argument Linux is more expensive that Windows XP because Microsoft has been very aggressive in licensing,” Shuttleworth said.

Powered by ScribeFire.

7 Respostas

  1. 1: o Ubuntu é uma bolha assustadoramente grande e com tendência para o suicídio como sistema totalmente livre e aberto. A sua política de proliferação nunca se baseou nas verdadeiras vantagens do software livre, mas sim na facilidade de utilização até pelo mais acéfalo dos utilizadores Windows e no facto de ser livre (as in free beer, not freedom). Eu nunca acreditei na máscara de bom samaritano do Shuttleworth, afinal ele tem uma empresa para rentabilizar. Não dou mais dois anos até termos mais uma Novell.

    2: O novo cavalo de batalha da Microsoft terá, e isto é incontornavel, que funcionar razoavelmente bem (dentro dos parâmetros do Windows, claro). Principalmente pelo facto de vir substituir um sistema enraizado (bem ou mal) que é o XP e ter o triste papel de fazer esquecer aquela espécie de húmus que é o Vista e recuperar o terreno que perdeu para o Ubuncoiso. O engodo já está lançado: suporta formato ODF nativamente, será menos DRM friendly, etc. É natural que já surjam “amizades” escamoteadas com entidades como a Canonical. Mas isto sou a dizer que adoro uma boa conspiração🙂

    • boas Marco,

      concordo contigo, por exemplo a continua aceitação do ms-novell-mono por parte do Ubuntu é cada vez melhor entendida por estas atitudes, tb aqui o sr Mark acha tudo normal….

      a ver vamos, espero é que no meio disto tudo o projecto Debian não venha a ter problemas, uma vez que parece que alguma malta do FLOSS gosta de dar tiros nos pés, como a fundação Apache tb.

      a propósito do Apache existe uma discussão interessante actualmente no /. sobre a doação de código .Net por parte da microsoft à Apache…
      http://developers.slashdot.org/article.pl?sid=09/01/21/230210

  2. Uma pessoa que acompanhe a Informática nas empresas, tem a clara noção que practicamente nenhuma abandona o windows devido a problemas técnicos ou de segurança.
    O CEO da Red HAT, uma empresa de sucesso baseada em software livre, disse-o de forma bastante clara. Para ele a crise actual financeira/económica é positiva para a Red Hat, porquê as empresas tem de cortar custos e vão utilizar mais software livre.
    Portanto o que o fundador da Canonical disse não é nenhuma surpresa, outros já o disseram antes.

    • uma coisa é falar que o TCO é bem mais baixo, outra coisa é dizer que se vai poder instalar GNU/Linux em portateis e PC’s apenas pq é mais barato.

      se não consegues ver a diferença não tenho culpa!

  3. O principal argumento sempre foi o preço, sem nunca negar as qualidades do software.

    • mais importante que o preço é a qualidade,segurança e ser de fonte aberta e permitir as 4 liberdades definidas pela GPL, bem como apenas usar padrões abertos.

  4. “Microsoft yesterday unveiled its MSN Mobile Music service – and a surprise return to digital rights management (DRM).

    While companies such as Apple and Amazon have finally moved to music download services free of copy protection, MSN Mobile locks tracks to the mobile handset they are downloaded to. ”

    Retiro o que disse acima sobre o DRM…

    Original aqui: http://tinyurl.com/c3qslu

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: