Universos Paralelos: Sócrates e Tribunal Constitucional

E ainda dizem que não existem outros mundos, planetas ou mesmo universos paralelos com outros seres.

Mais estranho que tudo isto é o país onde vivemos, Portugal, onde um Primeiro Ministro, detentor de um cargo político e como tal obrigado a declarar os seus rendimentos, nunca o fez durante pelo menos 4 anos, de 1999 a 2002.

Mas o mais interessante é essa teoria fabulosa do Tribunal Constitucional, que afirma “nada foi feito
porque ainda ninguém denunciou essas ilegalidades.”

Eu devo realmente viver num mundo paralelo que não é regido pelas mesmas leis que os outros, ou senão outro planeta, pelo menos num país muito estranho.

Desde quando é que é necessário que alguém denuncie este tipo de coisas?
Não prevê a lei que a investigação seja desde logo accionada quando um político não apresenta esses dados?

Andamos todos a brincar ao carnaval pelos vistos!

Powered by ScribeFire.

2 Respostas

  1. Yap! Se fosse eu, ou outro qualquer comum mortal, minorca na perspectiva dos “endeusados”, há séculos que teria tido o fisco à perna, com coimas, aturando fiscais tacanhos, cinzentos, cobradores de fraque em nome do povo …
    Decididamente – num país de direito – a lei é só para os mesmos! :S

    • não sei se o mais impressionante é a lei em si se depois as palavras do representante do Tribunal!

      já nem existe vergonha para afirmar estas barbaridades!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: