Economist: Linux está em todo o lado, it’s everywhere!

Estava a ler agora um interessante artigo que o Roy Schestowitz menciona no identi.ca e no qual com razão o seu autor afirma que o software livre, nomeadamente o GNU/Linux está em todo o lado, desde os servidores, aos supercomputadores passando pelos gadgets como o Palm Pre, os androids e moblin até aos notebooks com estes sistemas baseados em GNU/Linux ou ainda da distro da Canonical a Ubuntu Remix até aos media players de mesa como o Popcorn Hour e claro até ao maior motor de busca da web, o google e não esquecendo os routers.
Economy Size Geek » Blog Archive » Evolution of a Linux Geek

My servers in the datacenter – Linux (one has sarge which I’m ashamed to admit – but I swear I’m moving off of it)
Sure my file server runs Linux. That’s not weird.
Mythbox – Linux
Yes, my laptop too – Linux.
Yes my desktop – Linux.
My router – DD-WRT – that’s Linux.
My iphone – jailbroken running GNU software in debs
My kindle – Linux.
My Roku – Linux
My Popcorn Hour Linux
My search engine – Linux

E para comprovar que é assim até o jornal online Economist o afirma, começando o seu artigo sobre Open Source com a frase atribuída a Gandhi, “Primeiro eles ignoram-nos, depois riem-se de nós, depois combatem-nos e por fim ganhamos!”.

Esta frase como o artigo afirma, descreve na perfeição o que se tem passado com o software livre um pouco por todo o mundo, a sua cada vez maior evolução e progresso, que inicialmente era posto de lado como apenas uma brincadeira de geeks tornou-se numa poderosa ferramenta de trabalho e diversão, a qual tem dado muitos biliões a quem aposta nela sériamente como a Red Hat, SUN, IBM etc.
Computing: Unlocking the cloud | The Economist

At the time, selling software to large companies was sometimes likened to drug dealing, because once a firm installed a piece of software, it had to pay a stream of licence fees for upgrades, security patches and technical support. Switching to a rival product was difficult and expensive. But with open-source software there was much less of a lock-in. There are no licence fees, and the file formats and data structures are open. Open-source software gained ground during the dotcom boom and even more so afterwards, as a way to cut costs.
(…)
The rise of software based on open, internet-based standards means worries about lock-in have become much less of a problem.

3 Respostas

  1. […] escolher? Popcorn, Egreat, Xtreamer, WD HDTV! Posted on Julho 2, 2009 by ovigia Pois é, cada vez mais gadgets correm GNU/Linux no seu interior, desde computadores, laptops, notebooks, telemóveis com sistemas […]

  2. […] telemóveis, routers etc que usam, estão a correr sobre GNU/Linux.Indo um pouco mais além, não são apenas estes sistemas, mas até POS, como o caso do Jumbo ou da Rádio Popular, aviões militares, barcos, […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: