SIDA, mais uma mentira que nos tem sido vendida?

Na sequência da entrada anterior, Porque é tão importante o combate e a disseminação de medo relativo ao aumento de CO2?, deixo aqui mais food for thought, Alimento para o Pensamento.

É impressionante como este alimento para o pensamento se encaixa perfeitamente no puzzle do grande objectivo da oligarquia da Nova (Des)Ordem Mundial, a matança de biliões de seres humanos deste planeta.

Como escrevi na entrada anterior esta corja não dá ponto sem nó, os objectivos finais têm sempre objectivos intermédios, sendo o principal a obtenção de fortunas obscenas à custa do sofrimento de biliões de seres humanos.

Estamos a ver esses objectivos desenrolarem-se perante os nossos olhos com as diversas guerras que o império Anglo-Americano está a levar a  cabo, infelizmente com a ajuda do nosso país, estamos a vê-los desenrolar com a propaganda e histeria à volta da gripe AH1N1 e a consequente vacinação, com a vacina do colo do útero, com as mentiras propagadas sobre o suposto ‘Aquecimento Global’, sobre os GMO/OGM e a sua cada vez maior disseminação e contaminação de sementeiras naturais bem como da mentira de que aumentam a produção de alimentos bem como a aquisição de terras por parte dos países ricos ou de multinacionais de GMO/OGM e hoje leio, embora já por aqui tivesse aflorado o tema, que também no caso da SIDA, estamos eventualmente perante mais uma mentira, que mais uma vez se enquadra no grande objectivo da matança de seres humanos, planeada desde há muito e que terá tido o seu início com o plano da Revolução Verde mais uma vez da autoria da família Rockefeller e das suas fundações.

Até a igreja católica dá uma ajudinha à Nova (Des)Ordem Mundial, ao Governo Sombra que a todos nós manipula e claro como seria de esperar também em tudo isto existe a mão da Fundação Bill e Melinda Gates bem como a corja mais antiga.

Shocking truth about AIDS exposed on World AIDS Day with “House of Numbers” un-cut footage

Montagnier: (…) And
this is my, actually my worry about the many spectacular action for the
global funds to buy drugs and so on, and Bill Gates and so on, for the
vaccine.
But you know those kind of measures are not very well funded,
they’re not funded at all, or they are, you know, it really depends on
the local government to take choice of this, but local governments they
take advice of the scientific advisors from the intelligent
institutions, and they don’t get this kind of advice very often.

“Gates’ gimmick of becoming a philantropist repeats the Rockefeller scam almost one to one a century later.”

Dark cloud over good works of Gates Foundation

Indo agora ao principal assunto desta entrada, segundo um artigo do site NaturalNews a propósito de um novo documentário sobre o vírus HIV e a SIDA, tendo em conta as palavras de um dos cientistas envolvidos na descoberta do vírus HIV, o francês, Luc Montagnier, é muito provável que relativamente ao vírus da SIDA/HIV, estejamos mais uma vez, perante mais uma mentira, uma fabricação, da designada Big Pharma, da Oligarquia elitista do Governo Sombra.

Segundo este investigador que deixa bem clara a sua opinião sobre este tema ao contrário do que a entrada da wikipedia tenta fazer parecer, tentando ao máximo denegrir o documentário de Brent Leung, ‘House of Numbers’, bem como se pode constatar pelo vídeo não editado do Youtube, a verdade sobre esta terrível doença poderá ser bem diferente.

Segundo Luc Montagnier, nós podemos estar expostos diversas vezes ao virus HIV que o nosso sistema imunitário se encarrega de o destruir, desde que esse mesmo sistema imunitário esteja bem.

E para estar bem necessita que estejamos bem alimentados, como tal, ele indica ainda que o problema da SIDA em África se deve a um grave problema de alimentação/dieta deficiente, devido a isso o sistema imunitário das pessoas não está na sua melhor forma e como tal não se consegue livrar do virus e daí este se tornar crónico e poder conduzir à doença, SIDA.

Desde que uma pessoa tenha acesso a uma alimentação cuidada este vírus poder ser debelado pelo próprio organismo sem grandes problemas e sem recorrer a qualquer tipo de medicamento ou eventual vacina, que mais uma vez terá com quase toda a certeza preços avultados, será mais uma que teremos de tomar e que repetindo a história dos anteriores medicamentos de combate à SIDA e patentes destes bem como da actual aldrabice relativa à vacina do AH1N1 e ao Tamiflu, fará entrar biliões nos bolsos da corja dominante.

Ainda relativamente aos medicamentos anti-retrovirais, que são dados às pessoas que estão infectadas de forma crónica com o vírus HIV, convém mencionar que outro grande cientista que se levantou contra as prácticas da Big Pharma e segundo ele à grande mentira que é tudo o que envolve a SIDA, Peter Duesberg, poderão na realidade ser os anti-retrovirais que contribuem mais para a morte de quem os toma que propriamente o eventual virus da SIDA, uma vez que estes medicamentos são extremamente tóxicos e debilitantes, colocando em causa o Sistema Imunitário que deveria por si só combater o eventual virus.
Digo eventual uma vez que o professor Duesberg,

“Propõe como hipótese de trabalho que a AIDS é causada por abuso de drogas e comportamentos auto-degradativos, que leva o sistema imunológico ao colapso.

Em 1996 em seu livro Inventing the AIDS Virus (Inventando o vírus da AIDS) e em inúmeros artigos para jornais cartas para editores, Duesberg afirma o HIV é inofensivo e o uso de drogas ilícitas e farmacêuticas (especialmente de AZT, uma droga utilizada no tratamento da AIDS) são as causas da AIDS fora da África (a tão comentada hipótese de Duesberg).

Duesberg afirma que a AIDS na África é errôneamente diagnosticada e a epidemia é um mito, alegando que o critério de diagnóstico da AIDS na África é diferente de qualquer outro lugar e que a perda da imunidade nos pacientes africanos pode ser explicada por fatores como desnutrição, consumo de água poluída e várias outras infecções que têm os mesmos sintomas da AIDS. Duesberg também argumenta que os retrovírus como HIV sobrevivem de maneira inofensiva, e que a maneira comum de propagação é a transmissão de mãe para filho por infecção no útero.

A Hipótese de Duesberg é apoiada por vários cientistas, em sua maioria Phd’s e ganhadores de prêmios Nobel, embora seja atacada lascivamente por cientistas de grandes laboratórios, principalmente o GlaxoSmithKline, Burroughs Wellcome na época em que patenteou o AZT.”
Peter Duesberg – Wikipedia


AIDS truth exposed: Un-cut exclusive footage from House of Numbers

Resumindo:

Shocking truth about AIDS exposed on World AIDS Day with “House of Numbers” un-cut footage

For his part, Dr. Montagnier doesn’t mince words. He’s very clear on the points he’s making, saying them several times in different ways. His points are, essentially (paraphrased):

• You can be exposed to AIDS without getting infected.
• A strong immune system can protect you against AIDS.
• With the help of good nutrition, you can fight off AIDS.
• The importance of AIDS vaccines is exaggerated.
• AIDS can be approached with low-cost, highly-effective alternatives to vaccines.
• What the African people really need is better nutrition to protect themselves from AIDS.
• The facts about nutrition and AIDS are being neglected (by the medical establishment).

Esqueçam as vacinas, as tretas que nos têm vendido sobre medicamentos e curas, a cura é só uma, alimentar as populações de África e não só, convenientemente, logo doenças como esta e outras, não se manifestariam ou seriam rapidamente debeladas.

Como sempre, vejam,informem-se e pensem pela vossa cabeça. só na posse de diversos dados e após estudar-mos o que ambos os lados têm a dizer sobre este ou outro tema qualquer, é que podemos formar
uma opinião.

“Nenhuma indústria que depende da continuação da doença irá alguma vez produzir uma cura para essa doença.”
Mike Adams, the Health Ranger
Editor of NaturalNews.com

Tudo se encaixa assim perfeitamente, as fundações Rockefeller lançam a Green Revolution que colocam em causa a alimentação de uma enorme parte da humanidade, especialmente porque colocam o controlo da sua produção nas mãos de multinacionais sem quaisquer escrúpulos, mais tarde dão ainda origem às grandes multinacionais de OGM’s que colocam em causa quer a biodiversidade quer a qualidade da comida a que temos acesso bem como o acesso às sementes naturais, especialmente através de patentes, depois lança-se o projecto do papão do CO2 que como se sabe tem um papel preponderante na agricultura que com o seu aumento permite o aumento da produção de alimentos, todos estes projectos controladas pelos mesmos de sempre, a elite mafiosa por detrás do Governo Mundial, controlam os media para as lavagens ao cérebro, bem como as multinacionais gigantescas da Big Pharma, controlam ainda o complexo industrial militar e com ele as guerras.

Ou seja, estamos a ser atacados em diversas frentes, se conseguimos fugir aos problemas da alimentação o Estado zela para que não possamos fugir à enorme quantidade de vacinas e todo o tipo de medicamentos e exames a que somos sujeitos bem como do famoso Codex Alimentarius.
Quando tudo isto falha há sempre uma guerra qualquer que acaba com mais uns milhões, infelizmente em África aqueles pobre coitados estão sujeitos a tudo isto ao mesmo tempo.

E assim tudo se conjuga para o extermínio em massa de biliões de seres humanos

Mais uma vez tudo se resume à célebre frase do assassino Kissinger e ao seu memorando dos anos 70, NSSM 200….

“Control oil and you control nations; control food and you control people.”

Henry Kissinger

t r u t h o u t | One Company’s Toxic Agenda or Our Poisonous Way of Life? Marie-Monique Robin’s “The World According to Monsanto”

Both text and film are extraordinary models of investigative reporting, each comprising chilling and compelling indictments of a company with a long history of producing varieties of poison. I have no doubt that had a human individual, rather than a multinational corporation, been responsible for the death, suffering and destruction Marie-Monique Robin documents, the International Criminal Court and other jurisdictions around the world would be clamoring for that person’s head. Yet, Monsanto continues to operate so much more freely than the disguised Radovan Karadzic. Only last week The Independent reported that Gordon Brown and other European leaders are secretly planning to promote GMO food – 90 percent of which is produced by Monsanto – over the objections of their own populations.

While “The World According to Monsanto” excoriates Monsanto executives and their enablers, what Marie-Monique Robin most effectively documents are the perverse effects – the moral, social, technological, economic and market failures – of Western society’s economic organization, most specifically with respect to science and the products of science, and, ultimately, with respect to the preservation of the public commons and human life on the planet.

The HIV/ AIDS Story is Being Rewritten

The HIV/ AIDS Story is Being Rewritten

In House of Numbers, an AIDS film like no other, the HIV/AIDS story is being rewritten. This is the first film to present the uncensored POVs of virtually all the major players; in their own settings, in their own words. It rocks the foundation upon which all conventional wisdom regarding HIV/AIDS is based. House of Numbers could well be the opening volley in a battle to bring sanity and clarity to an epidemic gone awry.

Powered by ScribeFire.

About these ads

11 Respostas

  1. Olá!

    Começo por dizer que o tom com que dizes aqui que a SIDA pode ser combatida através de uma “vida saudável”, e que podes ser exposto ao vírus sem apanhares a doença é simplesmente irresponsável.

    É um facto que a esmagadora maioria das vezes que te expões à doença não a apanhas. Isso é certo e sabido, porque o vírus é extremamente vulnerável. Se assim não fosse muito mais gente estaria infectada com este vírus.

    O tom que aqui aplicas, sem querer espero, é que isto é um problema inventado e mais uma conspiração dos “papões das farmacêuticas”. Em parte até terás alguma razão, não tenho dúvidas. Mas o problema da SIDA, nos países industrializados e em África existe, é grave, e negar de alguma forma isso parece-me estúpido.

    Vivi este drama de perto, tive um primo que morreu de SIDA, sei que era um tipo saudável, simplesmente dormiu com a pessoa errada. Falta de cuidado, ponto final. Podem-me vir com as conspirações que quiserem, podem dizer o que entenderem, o problema existe e tem que ser combatido.

    Qualquer apelo a negar este flagelo, porque o é, é uma completa irresponsabilidade. Ou os preservativos também são uma inventona da Big Pharma para pagares cada vez que tens sexo? :)

    E agora diz-me: onde é que não existem grupos de interesses e de pressão económica? Onde?

    • boas,

      Ricardo se leste tudo o que escrevi e se seguistes os links e viste o vídeo uncut do documentário que indiquei, certamente perceberás que não fui eu que o disse mas sim um dos descobridores do retrovirus HIV.

      Ricardo eu não nego o problema, é óbvio que ele é gravissimo, especialmente em África, até no vídeo do documentário no youtube é logo no inicio afirmado que 67% da população da África Sub-Sariana está infectada com o HIV.
      Agora o que nunca é dito é que a grande maioria das doenças que afectam aquele continente se devem em grande medida à pobre dieta alimentar, no fundo à fome, que como é óbvio debilita e muito o sistema imunitário.

      No pequeno trecho do youtube e na transcrição da entrevista no artigo da natural news é afirmado pelo investigador Luc Montagnier que ninguém liga a isto que na realidade é o principal problema, ele até dá o exemplo da fundação bill e melinda gates, que estão sempre metidos em tudo, se preocupam mais com desenvolvimentos de vacinas, onde irão mais uma vez controlar tudo através de patentes e fazer biliões, do que com alimentar convenientemente as pessoas.

      Quanto aos preservativos, não servem apenas para evitar a SIDA, na realidade a sua principal função é como contraceptivo, mais uma vez na linha do que foi escrito nos anos 70 pelo senhor kissinger no memorando 200 relativo ao crescimento da população onde é defendido abertamente o aborto e como levar os diversos países especialmente os mais reticentes, a aceitarem-no como algo natural e bom.

      Eu não faço apelo nenhum à não utilização do preservativo, apenas peço às pessoas que pensem pela sua cabeça.

      E se fores lendo sobre este tema verás que não são conspirações, são casos bem reais, dou-te o meu proprio exemplo, tenho uma doença crónica grave, Doença de Crohn, graças a um medicamento da Roche, Roaccutan (isotretinoina), medicamento esse que a Roche falsificou os testes que apresentou à FDA e que já levou a processos nos EUA como podes consultar na wikipedia – http://en.wikipedia.org/wiki/Roaccutan#Crohn.27s_Disease_and_Ulcerative_Colitis
      Tomei esse medicamento por causa da minha acne crónica, achas mesmo que a Big Pharma alguma vez irá colocar no mercado uma cura efectiva para esta doença? É claro que não, quando fazem biliões com a dependencia das pessoas que sofrem dela em cremes e mais cremes que são carissimos.

      Ou ainda o que se vai descobrindo sobre as vacinas para a AH1N1 que hoje se sabe o seu processo de fabrico foi patenteado antes do aparecimento da mesma, ou ainda o mais extraordinário que o proprio virus do AH1N1 tb foi patenteado muitos meses antes do aparecimento dele…

      Por certo tudo coincidências.

      É claro que existem sempre grupos de pressão económica, mas aqui é ainda mais grave como certamente entendes, trata-se de dois pontos vitais da condição humana, a sua alimentação e a sua saúde e ambas andam par a par.

      Quanto ao teu caso particular as minhas condolências.

      ab

  2. Não podes simplesmente concordar com isto ou podes???
    Sistema imunológico debilitado?
    Então e os jogadores, que apanharam esse virus, nomeadamente Magic Jhonson etc?
    esses tinham o Sistema imunológico debilitado?
    Atletas de alto nível?!!
    Esta noticia aparece agora, quando o que está na moda é o cancro, e o HIV já não é tão falado e as pessoas já não se lembram…

    • boas,

      não é uma questão de concordar ou não, até porque não tenho conhecimentos para tal, apenas chamo à atenção para o que dois prestigiados cientistas desta área afirmam.

      se leres o que o professor Duesberg escreveu verás que não é só pelo facto de haver uma má dieta que o virus se pode tornar crónico, uma das principais razões apontadas por ele é a mistura explosiva de medicamentos e drogas recreativas, algo que é muito provável que o Johnson tenha tomado.

      sinceramente não creio que se possa colocar de lado e de ânimo leve a opinião de um dos descobridores do retrovirus e do cientista Peter Duesberg que “isolated the first cancer gene through his work on retroviruses in 1970, and mapped the genetic structure of these viruses. This, and his subsequent work in the same field, resulted in his election to the National Academy of Sciences in 1986. He is also the recipient of a seven-year Outstanding Investigator Grant from the National Institutes of Health.”

      Não é propriamente um vendedor de banha de cobra!

      Apenas me limito a tentar fazer as pessoas pensar.

      Mas que existem muitas dúvidas em todo este processo sem dúvida que as há.
      Já para não falar que o outro cientista que terá descoberto tb o retrovirus HIV não é propriamente uma pessoa séria! E não nos podemos esquecer dos biliões à volta de tudo isto, por exemplo ele patenteou o processo de testes, como tal todos os testes até hoje feitos para ver se uma pessoa tem o HIV, lhe dão uma percentagem para a sua conta bancária.

      Acima de tudo recomendo que as pessoas leiam o que ambos os campos afirmam e depois retirem as suas conclusões.

      http://www.duesberg.com/subject/africa2.html

      ab

  3. Esqueci-me de mencionar este link http://www.duesberg.com/subject/africa2.html

  4. […] people who deny the harm caused by HIV, especially when it comes to the  treatment. The blogger Ovidia [pt], from Cape Verde, triggered a discussion in the comment box with the question “AIDS, a […]

  5. […] are people who deny the harm caused by HIV, especially when it comes to the treatment. The blogger Ovidia [pt], from Cape Verde, triggered a discussion in the comment box with the question “AIDS, a […]

  6. […] negam o dano causado pelo HIV, especialmente quando se trata do tratamento da doença. O blogueiro Ovidia, de Cabo Verde, desencadeou uma discussão na seção de comentários com a pergunta “SIDA […]

  7. […] assim, mais uma vez, nos projectos de despopulação do planeta, que a elite da Nova Ordem Mundial tão intensamente persegue, não olhando a meios para atingir os […]

  8. […] esta farsa do ‘Aquecimento Global’ se inserir no plano mais vasto da despopulação, matança de biliões de seres humanos, onde também se inclui o Codex Alimentarius e os OGM/GMO, hoje o site NaturalNews tem um artigo […]

  9. […] de África e outras regiões desfavorecidas, minadas muitas das vezes por guerras criadas pela elite que quer a sua destruição a todo o custo, ao mesmo tempo essa mesma elite da Nova Ordem Mundial, vai fazendo biliões à custa de todos […]

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 68 outros seguidores

%d bloggers like this: