Até Junho deixo-vos com um documentário a ver, “The END of America” de Naomi Wolf

Em virtude de ter de efectuar uma intervenção cirúrgica, OVigia vai entrar em período de pausa forçada até Junho.

No entanto deixo a todos os que por aqui passam um excelente documentário em forma de apresentação/discurso pela escritora do livro no qual é baseado, Naomi Wolf, sobre o livro,The End of America: A Letter of Warning to a Young Patriotjá aqui escrevi sobre ele.

https://i1.wp.com/upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/f/f9/Naomi_Wolf_at_the_Brooklyn_Book_Festival.jpg/450px-Naomi_Wolf_at_the_Brooklyn_Book_Festival.jpg

Aqui em torrent! Aqui em flash
Já agora para verificarem se os torrents estão ok, dêem olhada no Vertor!

No youtube existe outra apresentação de Naomi Wolf sobre o mesmo livro.

Interview – The End of America

Interview – Naomi Wolf – Give Me Liberty

Naomi Wolf: No wonder Faux Attacked her!

Fascismo em 10 passos simples, aprovando leis para golpe de estado.

Naomi Wolf – Wikipedia, the free encyclopedia

In The End of America: A Letter of Warning to a Young Patriot, Wolf takes a historical look at the rise of Fascism, outlining the 10 steps necessary for a Fascistic group (or government) to destroy the democratic character of a nation-state and subvert the social/political liberty previously exercised by its citizens:

1. Invoke a terrifying internal and external enemy.
2. Create secret prisons where torture takes place.
3. Develop a thug caste or paramilitary force not answerable to citizens.
4. Set up an internal surveillance system.
5. Harass citizens’ groups.
6. Engage in arbitrary detention and release.
7. Target key individuals.
8. Control the press.
9. Treat all political dissidents as traitors.
10. Suspend the rule of law.[29]

The book details how this pattern was implemented in Nazi Germany, Fascist Italy, and elsewhere, and analyzes its emergence and application in American political affairs since the September 11 attacks.[30]

Vêem a similaridade entre estes 10 passos e o que se passa actualmente nos EUA mesmo após Bush/Cheney?

Para quem ache que com Obama será diferente, leiam o que tenho escrito e depois façam a vossa própria investigação, mas por favor pensem pela vossa cabeça e vão bem além do que vos é dito por políticos e pelos media mainstream.

Deixo aqui uma pequena lista sobre algumas das coisas que nos deveriam preocupar e muito a todos e sobre as quais nada se ouve nos media mainstream.

Powered by ScribeFire.

Citações/Quotes: Bruce Schneier sobre segurança

“The mantra of any good security engineer is: “Security is not a product, but a process.” It’s more than designing strong cryptography into a system; it’s designing the entire system such that all security measures, including cryptography, work together.”

Bruce Schneier, author of “Applied Cryptography”.

E a propósito de segurança:

1001 ways to harden Linux

[OpenBSD 4.4]

OpenBSD

Somente duas falhas remotas na instalação padrão em mais de 10 anos!

O projeto OpenBSD produz um sistema operacional LIVRE, multi-plataforma, do tipo UNIX baseado no 4.4BSD. Nossos esforços enfatizam a portabilidade, padronização, correção, segurança pró-ativa e criptografia integrada. O OpenBSD suporta emulação binária da maioria dos programas do SVR4 (Solaris), FreeBSD, Linux, BSD/OS, SunOS e HP-UX.

TrustedBSD – Home

TrustedBSD Project

The TrustedBSD project is an open source project developing advanced security features for the open source FreeBSD operating system, including file system extended attributes and UFS2, Access Control Lists, OpenPAM, security event auditing with OpenBSM, mandatory access control and the TrustedBSD MAC Framework, and the GEOM storage framework. Many technologies from TrustedBSD may also be found in operating systems beyond FreeBSD, including Mac OS X, NetBSD, OpenBSD, and Linux.

EnGarde Secure Linux :: About EnGarde

About EnGarde Secure Linux
The Community Edition of EnGarde Secure Linux was designed to support features suitable for individuals, students, security enthusiasts, and those wishing to evaluate the level of security and ease of management available in Guardian Digital enterprise products. Its development is very much driven by not only the requests from the community, but also their continued participation.


Fort Knox for Linux

About the FKL Project

Fort Knox for Linux has created documents on setting up Linux and Apache based on best practices. These documents are specific towards Redhat and SUSE; however, they are general enough to be used with other types of unix. The second task of the project implemented these practices in Bastille, and created an auditing function.

BASTILLE-LINUX

The Bastille Hardening program “locks down” an operating system, proactively configuring the system for increased security and decreasing its susceptibility to compromise. Bastille can also assess a system’s current state of hardening, granularly reporting on each of the security settings with which it works.


northernsecurity.net

ELE is a bootable Live CD Linux distribution with focus on privacy related software.
It is based on Damn Small Linux and aims to be (obviously) as small as possible. The first release was 65M, the current one 61M.

ParanoidLinux.org

Paranoid
Linux is an operating system that assumes that its operator is under
assault from the government
(it was intended for use by Chinese and
Syrian dissidents), and it does everything it can to keep your
communications and documents a secret.

Trusted Extensions at OpenSolaris.org

Solaris Trusted Extensions ™

The Solaris Trusted Extensions project is a reimplementation of Trusted Solaris 8 based on new security features in Solaris 10
. It has been renamed because it will be delivered as an optional set of extensions to Solaris. The layered functionality consists of a set of label-aware services that are derived from Trusted Solaris 8.

Remote-Exploit.org – Supplying offensive security products to the world

BackTrack is the most top rated linux live distribution focused on penetration testing. With no installation whatsoever, the analysis platform is started directly from the CD-Rom and is fully accessible within minutes.


Center for Internet Security – Linux Benchmarks

The Red Hat Linux, SUSE Linux, and Slackware Linux Benchmarks are now available!

Powered by ScribeFire.

Em meados deste Séc XXI teremos uma pequena idade do gelo

Uma continuada actividade solar baixa durante os últimos 11 anos parece indicar um abaixamento significativo das temperaturas do planeta Terra, como têm vindo a prever diversos cientistas Russos.

Sempre quero ver o que os mentirosos Al Gore, Obama e companhia irão inventar e como os media mainstream irão tratar a questão, ou melhor, como irão dar o dito por não dito e vender a próxima mentira desses criminosos.

https://i1.wp.com/lh5.ggpht.com/brtodd8675/SF7JEZzdgTI/AAAAAAAAAYU/Cqq07J-2GMc/400x400%20obama%20warming_thumb%5B2%5D.png

Goodbye, Global Warming: Deepest Solar Minimum in Nearly a Century

The continued solar inactivity is consistent with forecasts from Russia’s Pulkovo Observatory in St. Petersburg, over more than a year. On Jan. 22, 2008 senior scientist Khabibullo Abdusamatov, head of the Space Research Lab at the Pulkovo Observatory, said in an interview with RIA Novosti that, “temperatures on Earth have stabilized in the past decade, and the planet should brace itself for a new Ice Age rather than global warming.”

Abdusamatov warned correctly, at the beginning of 2008, that global temperatures would drop slightly that year, rather than rise, due to unprecedentedly low solar radiation in the past 30 years, and would continue decreasing, even if industrial emissions of carbon dioxide reach record levels. According to Abdusamatov’s 2008 forecast, “By 2041, solar activity will reach its minimum according to a 200-year cycle, and a deep cooling period will hit the Earth approximately in
2055-60. It will last for about 45-65 years and by mid-21st Century, the planet will face another Little Ice Age.”

Powered by ScribeFire.

Esperamos mandado de detenção inglês para o sr Sócrates

É verdade que som e imagens como os apresentados no vídeo abaixo não são aceites pelos nossos tribunais, na nossa legislação, mas também é verdade que a partir deles se podem conduzir investigações e inclusive chamar para depor os intervenientes bem como quem estes acusam.

Uma vez que no Reino Unido este tipo de provas é valido em Tribunal, será que ainda vamos assistir a um mandado de detenção por parte do Reino Unido para o nosso Primeiro-Ministro?

Senhor Presidente da Republica não estaria na hora de demitir esse senhor e poupar assim uma maior humilhação a este triste país?

DVD Freeport: Charles Smith chama corrupto a Sócrates

Powered by ScribeFire.

OGM/GMO: Herbicida da Monsanto (Roundup) causa deformações em fetos e CGD ganha com isso

Algumas notícias interessante e muito importantes relativas à utilização de produtos da multinacional de GMO/OGM, a Monsanto.

A propósito desta empresa recomendo a todos o documentário “The World according to Monsanto”.

No blog Transgenicos Não leio que um  “Estudo realizado pela Faculdade de Medicina da UBA de Buenos Ayres, com glifosato em doses ínfimas, em embriões anfíbios (que são totalmente comparáveis com os que ocorreriam no desenvolvimento do embrião humano) causou deformações neuronais, intestinais e cardíacas.”


Transgênicos NÃO!: Glifosato causa deformações em fetos (mesmo em doses ínfimas)

Na Argentina, a soja transgênica ocupa 17 milhões de hecatres e é comercializada pela Monsanto, assim como o glifosato.
O estudo recorda que o uso de agrotóxicos na soja obedeceu a uma decisão política, que não foi baseada em pesquisas científicas-sanitárias e “que a ciência está sendo guiada pelos interesses econômicos e não pela verdade e para o bem-estar das pessoas”.

Agora notícias mais positivas no site português GAIA, o qual indica que na Alemanha a Ministra da Agricultura proibiu a plantação de milho geneticamente modificado, o MON810, em todo o território, alegando que existem razões legitimas para o considerar um “perigo para o meio ambiente”.

Infelizmente por cá e pela nossa vizinha Espanha continua-se a cultivar em larga escala transgénicos, com todos os malefícios que daí advém quer para a nossa saúde, quer para a biodiversidade.

Alemanha proíbe cultivo de transgénicos em todo o seu território | GAIA – Grupo de Acção e Intervenção Ambiental

Com a activação da cláusula de salvaguarda da Directiva 2001/18, a Alemanha junta-se à França, Áustria, Grécia, Luxemburgo e Hungria. A Itália e Polónia são outros países que mantêm moratórias sobre o cultivo de transgénicos.

Outra notícia importante é a diminuição da procura de soja transgénica no Paraná, região do Brasil, a soja convencional está a ser mais procurada e com isso o seu preço aumenta, o que é excelente para os produtores de soja convencional ou biológica.

Ainda a propósito de dinheiro e investimento, leio no STOPGM que a Caixa Geral de Depósitos tem um plano de depósito a prazo, Caixa TOP novembro 2010, que está indexado a 3 das empresas mais responsáveis pelo crime dos OGM, Monsanto, Deere & Co, Syngenta.

Powered by ScribeFire.

Obama aprova lei que lhe permite desligar partes da infra-estrutura da rede Internet

A propósito de uma entrada do blog geek de Mário Valente, sobre a possível nacionalização por parte de Obama da Rede Internet, cheguei a estes dois artigos sobre a mais recente lei que se prepara para dar mais uma machadada nos Direitos, Liberdades e Garantias dos cidadãos dos EUA e que como é habitual se repercurtirá pelo resto do globo.

https://i1.wp.com/2.bp.blogspot.com/_vgE1zRuMQsg/R75ltpo_LpI/AAAAAAAAADY/9zVifgxfrYY/s320/DaybyDay_ObamaNazis.jpg

Ao contrário de Mário Valente que acha que Obama é um gajo porreiro e de boas intenções, como venho escrevendo continuamente e demonstrando pela suas acções, de boas intenções está o inferno cheio e Obama tem contribuido e bastante para o encher.

“I was charmed by his [Mussolini’s] gentle and simple bearing and by his calm, detached poise in spite of so many burdens and dangers. If I had been born an Italian, I am sure I should have been wholeheartedly with you from start to finish on your triumphant struggle against the bestial passions and appetites of Leninism. The Fascist Movement has rendered service to the whole world.”

Winston Churchill

Trata-se da Cybersecurity Act of 2009, apresentada pelo Senador da West Virgina, o senhor Jay Rockefeller, pelo nome do senhor não se poderia esperar grande coisa, a família Rockefeller desde há muito que planeia um estado planetário fascista e pelos vistos vão no bom caminho.

Esta proposta de lei afirma que “The president … may declare a cybersecurity emergency and order the limitation or shutdown of Internet traffic to and from any compromised Federal Government or United States critical infrastructure information system or network.”, o problema é que a lei não oferece nenhuma definição para o que será considerado como Infra-esturura critica dos EUA.

Poderá afectar apenas certos servidores e tecnologias que afectem a infra-estrutura do governo, ou poderá ser a espinha dorsal da rede, como por exemplo os root name servers?

Na realidade com uma lei tão vaga esta poderá e com quase toda a certeza irá ser mal utilizada, mais uma vez e tal como é habitual com os previlégios de “segurança nacional”, servirá para apenas e só proteger criminosos em vez de servir para proteger realmente as infraestuturas.

Assistimos a tudo isto vezes sem conta e com inúmeros exemplos prácticos, como por exemplo com os atentados de 11Set2001, onde por tudo e por nada se evocava a “segurança nacional” para proteger investigações credíveis e eventuais crimes e criminosos que delas resultariam, um dos exemplos é o caso de Sibel Edmonds, assistimos à invocação da “segurança nacional” para proteger o gabinete do Vice-Presidente Cheney relativamente às acusações de cumplicidade e até defesa de tortura e o mais paradigmático de todos os exemplos, que é o tratado ACTA que quer Bush/Cheney quer Obama consideram ser um tratado que não pode ser consultado pelos cidadãos ao qual se dirige por motivos de “segurança nacional”.

Não deixa de ser interessante que um dos maiores especialistas em segurança/criptografia informática, Bruce Schneier afirme que o problema da segurança da infra-estrutura resida mais na fraca gestão das redes, na falta de aplicação de patchs de segurança, de encriptação onde há necessidade, falta de auditoria e a completa ausência de programas de segurança de informação.
Caso se tivesse em conta as observações de Schneier, uma lei como a proposta não faria sentido uma vez que se tornaria desnecessária.

Terá esta lei a ver com o que foi dito
ao Professor Lawrence Lessig, por Richard Clarke, quando este lhe terá dito que iria haver um acontecimento parecido com os atentados de 11 de Setembro de 2001, mas desta vez a nível informático, e que após este, entraria em vigor o i-Patriot Act, a versão electrónica do Patriot Act.

Continuando à espera de salvadores como se apresenta Obama, estamos cada vez mais próximos da escravidão imposta pela Nova (Des)Ordem Mundial.

Só pensando por nós próprios, só pelo conhecimento só pelo tomar do FUTURO nas nossas mãos o poderemos evitar.

http://1unitedfasciststatesofamerica.files.wordpress.com/2008/06/fascism.jpg

The Liberty Voice » Print Edition » Obama’s Road to Serfdom

President Obama is creating government/business cartels, he has limited compensation, he is attempting heavy government regulation, he wishes to tax profits on an increasing scale, he challenges the Constitution’s contract clause and wants political control of the census so he can direct spending on the state level.

Those efforts pale in comparison to President Obama’s largest power grab to control production: the proposed Cap and Trade program.
If that passes, the President will have the power to close down your business mid-year if you don’t have enough money to pay a huge tax on carbon emissions. He will put himself in direct control of American production.

These are the hallmarks of early 20th century European fascism. We know by Italian and German example that
civil rights fall after the government assumes economic production.

Powered by ScribeFire.

O que é um ‘Concurso Limitado por Prévia Qualificação’?

Leio no Tek Sapo que o nosso desgoverno autorizou a realização de um concurso para “aquisição de serviços no âmbito do Sistema de Informação da Educação.” no valor de 30Milhões de euros para quatro anos.

Mas o que na notícia chama a atenção é o que o Conselho de Ministros chama ao procedimento, segundo ele trata-se de um “Concurso Limitado por Prévia Qualificação”.

O que para o Conselho de Ministros é uma Prévia Qualificação?

É mais um concurso para beneficiar as mesmas empresas de sempre como habitualmente faz com a microsoft e SAP?

Powered by ScribeFire.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 68 outros seguidores